Manejo da dor atualizado

Lidar com a dor crônica

Para pessoas com dor crônica, a dor afeta quase todos os aspectos de suas vidas. Mas ao mesmo tempo, tratamentos para aliviar dores crônicas pode também influenciar muitos aspectos da vida de uma pessoa. Nossos melhores remédios para alívio da dor têm muitos efeitos colaterais desagradáveis. Então o manejo da dor tem de ser bem avaliado.

Pesquisas com pacientes também mostram que pessoas com dores crônicas se importam com mais do que só sentir menos dor. Eles desejam aproveitar mais a vida, ter uma sensação de bem-estar mais forte, aumentar as atividades físicas, melhorar o sono e diminuir a fadiga, e participar em atividades sociais e recreativas.

Manejo da dor

O manejo da dor

Tratamentos para controle e manejo da dor que não somente são individualizados, mas também multimodal (ou seja, combinam várias terapias diferentes) podem resultar os maiores benefícios com os menores danos. Um fundamento científico forte suporta essa posição. Por exemplo, uma pessoa com dores crônicas na lombar, com um histórico recente de abuso de álcool, depressão e insônia pode se dar melhor com uma combinação de analgésicos não-opiáceos, terapia de comportamento cognitivo e um antidepressivo, enquanto outra pessoa, também com dores crônicas na lombar, pode ter resultados melhores com uma combinação de doses de opióides baixas diariamente e acupuntura semanalmente. O tratamento comportamental para melhorar a aderência ao opióide entre pacientes com dores crônicas na verdade, reduziu as taxas de mau uso de medicamentos entre pacientes com maior probabilidade de abuso destas drogas.

O “sucesso” de tratamentos para dor é muito individual. Então você não pode assumir que o que você lê online ou escuta de outras pessoas (como, “a droga X é ótima, você deveria experimentá-la” ou “a droga Y é horrível, por que alguém prescreveria isso?”) irá representar como a droga agirá em você. O campo do controle da dor precisa de muito mais pesquisas para determinar quais pacientes tem maior probabilidade de se beneficiar com um certo tratamento. Talvez, por exemplo, pacientes mais jovens com enxaquecas podem se beneficiar melhor com a droga A, enquanto pacientes mais velhos com dores de cabeça relacionadas à tensão podem se dar melhor com a droga B.

Em suma

Em geral, uma combinação de terapias que, não somente reduzam a dor, mas também, ajudam a alcançar a qualidade de vida desejada – junto com um foco renovado em tratamentos personalizados – representam avanços importantes para o campo do controle da dor e são passos essenciais tomados para um cumprimento mais efetivo dos nossos deveres aos pacientes que estão sofrendo.

Referências

Compartilhe a informação
Tratamento Dor DF
Tratamento Dor DF

Clínica Salus Ortopedia, Fisioterapia e Acupuntura em Brasília-DF, atua principalmente no tratamento da dor. Temos médicos e fisioterapeutas especialistas.

No Comments

Escreva uma Mensagem ou Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *